* BALANÇO

pretty-tileable-bg

Os últimos dias de um ano é o período ideal para a realização de retrospectivas e balanços, a fim de avaliar as perdas e os ganhos, os sucessos e os fracassos acumulados durante ano que se encerra e a partir desse levantamento iniciar o planejamento e a elaboração de metas para o ano seguinte.

É chegado então o momento de rever o passado e acertar as contas com Deus, consigo mesmo e com o próximo. Às vezes é preciso fechar para balanço, por um tempo, e rever as atitudes erradas, as escolhas inconsequentes e iniciar o ano novo transformado e livre dos traumas e do sentimento de culpa que atormenta e adoece. Às vezes é preciso parar e avaliar o que se fez e o que se deixou de fazer, as coisas boas e as ruins que aconteceram e então tomar as decisões corretas para evitar que os mesmos erros ou outros aconteçam.

Porém um balanço mal executado pode pôr tudo a perder, todo balanço deve ser feito com cuidado para não acarretar no surgimento de novos problemas e situações embaraçosas.

Lanço a você o seguinte desafio: que tal aproveitar esse momento para dar uma parada e fazer um balanço do que se passou? Talvez você descubra que poderia ter feito mais do que fez, que poderia ter mais do que têm e que poderia ser mais do que é. Talvez a tão sonhada realização familiar, acadêmica ou profissional ficou longe de se concretizar. Talvez a tão almejada felicidade bateu à sua porta, mas não entrou. Não se frustre por isso. A boa notícia é que o ano novo vai chegar e com ele as esperanças vão se renovar. Você pode iniciar uma nova etapa da sua vida com a certeza de que Deus vai estar ao seu lado. Não permita que com o término de mais um ano termine também os seus sonhos.

Na matemática encontramos quatro operações básicas que são fundamentais na realização de balanços financeiros. São elas: adição, subtração, multiplicação e divisão. Avalie e considere utilizar as mesmas operações para realizar o balanço da sua vida, para tanto deixo as seguintes sugestões:

 

1) Adicione boas recordações ao seu dia-a-dia

Faz muito bem resgatar as boas lembranças que ficaram gravadas na memória. Lembre-se das coisas boas que fizeram juntos, das conquistas, dos sonhos alcançados, dos momentos alegres em vez de se deter apenas nas dificuldades e crises. Traga à sua mente as boas recordações e tenha certeza que os bons momentos em família podem ser revividos, basta querer.

Reconheça que tudo que você fez, tudo que você têm e tudo que você é, vem de Deus, é uma herança bendita recebida dos seus antepassados e fruto também do seu trabalho e esforço. Um bom balanço da vida começa quando valorizamos o que fizemos, o que temos e principalmente o que somos.

2) Subtraia o estresse, o egoísmo, a falta de perdão e a desesperança

Viva uma vida mais amena, diminua o ritmo e livre-se do estresse. Trabalhar faz bem, estudar também, mas tudo no seu devido tempo.

Outra subtração necessária é o egoísmo, uma das principais causas dos fracassos familiares. Quando o “eu” se torna mais importante do que o “nós”, a relação fica individualista e sem graça. Compartilhe os sentimentos e as boas atitudes. Em família, todos ganham quando se ajudam e quando cada um faz a sua parte.

Quando cometer um erro, admita que errou e peça perdão. Fazer isso pode ser difícil, principalmente se você foi o causador do problema, mas vale a pena. Se você foi a vítima, libere o perdão. Não acumule raiva nem ressentimentos. O perdão é o primeiro e o mais importante passo na direção da cura da alma.

Se você acha impossível zerar os males acima, pelo menos experimente diminuí-los, gradativamente. Você vai perceber que a sua qualidade de vida vai melhorar consideravelmente.

Por fim, se dispa do pessimismo, a desesperança nos faz temer a Deus, pois ao esperar sempre o pior, estamos, consequentemente, duvidando do amor e da misericórdia do Senhor. Creia firmemente que a vontade do Pai é sempre boa, perfeita e agradável.

3) Multiplique o amor e o respeito

Amar é uma escolha e precisa ser demonstrado na vida.

Em um mundo cheio de guerras e violência, onde os verdadeiros valores estão sendo invertidos e esquecidos, onde famílias inteiras estão sendo consumidas pela falta de amor e perdão, precisamos urgentemente fazer multiplicar o amor e o respeito, a começar dentro de nós mesmos. Nesse novo ano decida amar e respeitar mais o seu próximo e principalmente a Deus. Multiplique seu tempo com Deus  e sua capacidade de amar e perdoar se multiplicará.

4) Divida os ganhos e as perdas, as vitórias e as derrotas, o “sim” e o “não”

Temos a tendência de esconder os sentimentos negativos e os fracassos. Altos e baixos fazem parte do cotidiano de qualquer pessoa. Ouvi um dia uma frase que me chamou a atenção e dizia assim: “dor dividida com alguém é dor pela metade”. Por conseguinte, posso então afirmar que quando a alegria é dividida, passa a ser alegria em dobro.

Precisamos, em família, aprender a dividir as coisas e isso inclui tarefas, responsabilidades, tomada de decisões, os ônus e os bônus da relação. Se agirmos assim não ficará pesado para ninguém e todos vão ganhar. Um bom balanço é feito quando os extremos são compartilhados, quando todos assumem o seu papel e quando não há culpados nem derrotados.

Para fechar o seu balanço anual sem pendências e perdas entenda que família é um bem precioso que não pode ser descartado. Lembre-se de que os bens materiais e as posses não são importantes, mas a família é.

Esse tempo de reflexão e análise pode ser muito significativo para você. A partir desses simples conselhos, tenha a força e a coragem para fazer as mudanças necessárias e o seu próximo ano será melhor do que este que está chegando ao fim.

Ao concluir mais este artigo, deixo uma mensagem final, talvez a mais importante de todas: “Esquecendo-me das coisas que ficaram para trás e avançando para as que estão adiante, prossigo para o alvo, a fim de ganhar o prêmio do chamado celestial de Deus em Cristo Jesus“ (Filipenses 3.13-14). Olhe para frente. Um novo tempo Deus tem reservado para você!

DEVOCIONAL SOU DA PROMESSA

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s