* SOBRE CULPA E PERDÃO

454616751

A culpa é uma emoção perigosa porque pode nos fechar espiritualmente. Nós cometemos erros e, em seguida, começamos a nos perguntar onde estamos em nossa relação com Deus. Ele ainda nos ama e nos quer por perto?

A Bíblia diz claramente em 1 João 1:9: “Se confessarmos os nossos pecados, ele é fiel e justo para nos perdoar os pecados, e nos purificar de toda a injustiça.”

O perdão não é uma coisa de uma só vez que aconteceu no dia em que nos rendemos a Cristo. É uma coisa diária, para o resto de sua vida. Você vê, quando Jesus morreu na cruz, Deus não só perdoou todos os pecados de nosso passado, mas todos os pecados que iremos cometer!

Sim, devemos nos desculpar por nossos erros. Podemos até ter um curto período de luto sobre o que fizemos de errado, isso é saudável. Mas quando os sentimentos de culpa tentam ultrapassar-nos, precisamos pressioná-los lembrando que em Cristo somos perdoados e nada pode nos separar do amor de Deus (veja Romanos 8:38-39).

Deus não está olhando para a nossa perfeição. Ele sabe que nós vamos cometer erros. O que Ele quer é relacionamento puro e simples com a gente.

Deus sabe melhor do que você sabe de si mesmo. Ele aceita você como você é, mas também quer que você continue a crescer em Cristo para que você possa ter tudo o que Ele tem para te entregar. E todos nós temos espaço para crescer!

Se você vai fazer um esforço diário para continuar crescendo em seu relacionamento com Deus, seu comportamento vai continuar melhorando o tempo todo. Mas até que você saia fora da esteira de culpa, seu progresso será terrivelmente lento.

Não podemos esperar até sentirmos o direito de acreditar que estamos certos aos olhos de Deus. Temos que começar a acreditar nisso, enquanto ainda nos sentimos errados. Isso é o que significa jogar no passado a dor de nossas feridas e erros. E, finalmente, nossos sentimentos vão alcançar a verdade.

Paulo disse em Filipenses 3:12-13: “Não que já a tenha alcançado, ou que seja perfeito; mas prossigo para alcançar aquilo para o que fui também preso por Cristo Jesus. Irmãos, quanto a mim, não julgo que o haja alcançado; mas uma coisa faço, e é que, esquecendo-me das coisas que atrás ficam, e avançando para as que estão diante de mim”.

Eu quero encorajá-lo a realmente receber o perdão de Deus em sua vida. Você não tem que gastar dois ou três dias sentindo podridão sobre si mesmo cada vez que você cometer um erro. Em vez disso, acredite no amor de Deus por você e as coisas boas que estão em seu futuro. E continue avançando!

Joyce Meyer, em “UM NOVO DIA, UM NOVO VOCÊ”

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s